Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Prefeitura realizando limpeza e apoio logístico nas aldeias indígenas
Início do conteúdo da página

Prefeitura realizando limpeza e apoio logístico nas aldeias indígenas

Criado: Quinta, 13 de September de 2018, 01h07 | Acessos: 30

Limpeza das aldeias e manutenção de estradas de acesso são as principais atividades que a Prefeitura de Tocantínia, realizou nas comunidades indígenas do município. No segundo semestre deste ano, já foram atendidas cinco aldeias localizadas nas proximidades da cidade de Tocantínia.

As aldeias atendidas com o serviço são: Mrãizase, Nova, Recanto Krite, Salto e Porteira. Na Porteira foi feita abertura lateral da estrada na entrada da aldeia e manutenção das estradas que fazem acesso ao posto de saúde. E na comunidade Saltinho realizou-se limpeza e o acesso ao córrego Cercadinho.

Na aldeia Recanto Krite atendendo a solicitação do cacique, foi realizadas limpeza e manutenção de 2 km de estrada vicinal que estava desativada há vários anos.

O cacique da Krite, Valdemar Sõiti Xerente, disse ao Secretário Municipal da Agricultura, João Caldeiras, “estou satisfeito com o serviço que a prefeitura vem prestando para as comunidades indígenas, pois nós necessitamos muito do apoio e atenção dos governantes” enfatizou.

 Apoio logístico

A prefeitura em parceria com a FUNAI, também estão atendendo as comunidades com apoio logístico de transporte dentro das suas possibilidades, pois existem muitas demandas na terra indígena. Na época de estiagem na região, de acordo com a cultura do povo Xerente é a época ideal para construir ou reformar casas tradicionais.

Para construir ou reformar casas, os indígenas costumam retirar materiais para construção como, palhas de piaçava e madeiras distantes das aldeias. Uma vez que esses materiais não são mais encontrados com facilidade nas proximidades onde moram.

Por esta razão, os indígenas procuram os órgãos da prefeitura para pedir ajuda para transportar os materiais que precisam para fazer sua casa. Somente no segundo semestre deste ano, já foram atendidas cerca de trinta famílias nas regiões Funil, Xerente e Rio Sono. Além das comunidades também foi atendida a Brigada Indígena do PREVFOGO/IBAMA para instalação da Base.

IMG3866
IMG3847
IMG3846
MG9181
MG3690
MG3425
MG3674
MG0355

registrado em:
Fim do conteúdo da página