Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Desenvolvimento dos Povos Indígena
Início do conteúdo da página

Desenvolvimento dos Povos Indígena

Criado: Quarta, 22 de November de 2017, 16h48 | Acessos: 941
EDSON SIKMOWE XERENTE - Secretário de Desenvolvimento dos Povos Indígenas

Edson Sikmowe Xerente, filho de Herculano Presu de Sousa Xerente e Juliana Sdupudi, casado com a senhora Carmelita Krtidi Xerente, pai de quatro filhos: Kênia Ipêdi Xerente, Jamily Mrãite Xerente, Emanuela Aptudi Xerente e Carlos Eduardo Sirowasde
Xerente. Nasceu no dia 23 de Abril de 1985, na aldeia Bela vista liderada pelo então cacique e Ancião Sr. Valdemar Sõiti Xerente. Desenvolveu sua atividades escolares sempre em escolas publicas tanto na aldeia com o ensino primário quanto na cidade no
ensino médio.
Desde muito cedo dedicou se aos problemas sociais e culturais do Povo Xerente, sempre se fazendo presente nas reuniões do seu Povo.
Devido as necessidades financeiras vividas na aldeia teve que deslocar da aldeia para a cidade para trabalhar na construção civil, logo após desenvolver atividades na área da construção civil, ingressou-se a defender a natureza exercendo a função de Brigadista
de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais pelo Prevfogo/Ibama TO, onde sem medir esforços desenvolveu diversas ações sociais junto ao Povo Xerente.
No inicio da Gestão Municipal 2017 a 2020 foi convidado para assumir a Secretaria de Assuntos Indígenas, o convite foi aceito e ate o momento se encontra a frente desta pasta, sendo um elo de ligação entre a comunidade Indígena Xerente e o Prefeito Municipal e seus Secretários Executivos.

LEI 441/2013 - Dispõe sobre a organização da Administração pública do Município de Tocantínia, define também a competência da:

SEÇÃO X - DA SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DOS POVOS INDÍGENAS

Art. 33. Compete ao Secretário Municipal de Desenvolvimento dos Povos Indígenas, a elaboração e o planejamento, gestão e execução das políticas sócio-ambientais atinentes aos povos indígenas residentes no território do município, em parceria com o Estado e a União, Instituições Financeiras Nacionais e Internacionais, bem como OSICIP, ONGs, Institutos, Fundações, Associações nacionais ou de outras Nações nos casos permitidos em lei.

§ 1º. O Secretário de Desenvolvimento dos Povos Indígenas será nomeado como Gestor do Fundo Municipal de Desenvolvimento dos Povos Indígenas, a ser criado por lei própria e regulado, mediante ato do Prefeito Municipal, no prazo de até 180 (cento e oitenta) dias.

§ 2º. Fica garantida a participação das associações de comunidades indígenas, consideradas de utilidades municipais, nas políticas dos povos indígenas do município de Tocantínia.

Fim do conteúdo da página